Vouzela,  16 de Dezembro de 2017 | Director: Lino Vinhal

Atraso no financiamento deixa Escola Profissional com problemas

6 de Dezembro 2017

Os atrasos no pagamento às escolas do ensino profissional estão a deixar os responsáveis destes estabelecimentos de ensino apreensivos quanto ao futuro.

A ‘asfixia financeira’ deve-se aos sucessivos adiamentos na transferência de verbas comunitárias do Governo para as unidades, uma situação que também afecta a Escola Profissional de Vouzela (EPV). De acordo com o director pedagógico da instituição, José Lino Tavares, o problema pode trazer “atrasos nos pagamentos aos alunos, professores, funcionários e fornecedores”, uma situação que não se verifica na EPV, que tem as contas regularizadas. Em causa está não só “o financiamento dos cursos profissionais, mas, ainda mais grave, os de Educação e Formação de jovens (CEF´s) e vocacionais (2015/2016 e 2016/2017)”.

Fique a par de todos os detalhes na edição desta semana do Notícias de Vouzela!